Arquivo mensal: julho 2011

O tempo e o homem

Ele nasceu no interior e nunca conheceu a mãe biológica. A infância não foi fácil, mas ninguém sabe muito a respeito. Somente que foi adotado por alguém que cuidou dele, deu-lhe um nome, uma casa e amor. Cresceu sem registro de nascimento. Era mais um brasileirinho dos muitos que ainda não se conhece existência. Leia o resto deste post

Anúncios

Bad day

Maggie acordou irritada. Sentia dores no corpo e na cabeça. Sua habitual calma não estava com ela hoje. Levantou-se, prendeu o cabelo em um coque meio solto e lavou o rosto. Leia o resto deste post

Maggie & Louise

Amor? O que era isso? Nunca sentira, nem fazia questão de sentir. O mais próximo que chegara disso foi nos tempos de internato, onde se afeiçoara a menina da cama ao lado. Eram amigas e haviam fugido várias vezes de seu dormitório para fumar escondidas em um dos jardins da escola. Riam de suas próprias piadas e flertavam com os rapazes nos raros passeios pelo vilarejo onde se encontrava o internato. Leia o resto deste post